Google+ Followers

terça-feira, 14 de julho de 2015

Salvação, galardão, juízo final, tribunal de Cristo e o cristão

 
Por Mateus de Souza
 
Há vários cristãos os quais pensam que comparecerão ao Juízo Final para ser julgado por Deus. E pensam que a salvação é por obras, boa conduta e mérito - portanto creem que poderão ser salvos ou não nesse suposto encontro com o Senhor, dependendo de suas boas obras.

Entretanto, não é isso que nos ensina a Escritura. Quem comparecerá a este Julgamento serão os ímpios perdidos e não os filhos de Deus. E todos aqueles que forem para lá serão condenados. Não haverá salvação. O Juízo Final é uma espécie de "prestação de contas" que Deus dará aos perdidos, explicando-lhes a razão da condenação mediante os livros abertos de tudo o que fizeram, falaram, pensaram e desejaram. Vejam com detalhe:

"E vi um grande trono branco, e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu; e não se achou lugar para eles. E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus, e abriram-se os livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras. E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras. E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo."
(Apocalipse 20:11-15).
 
Ninguém sairá salvo desse evento. E por que o cristão não participa? Porque ele é salvo pela Graça mediante a fé e Misericórdia de Deus (Efésios 2:8-9; Tito 3:5-6). Portanto os filhos de Deus aqui podem se sentir eternamente salvos, como disse Jesus:
 
"Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida." (João 5:24).
 
O cristão, como vimos, não participará do Grande Juízo. Ele é salvo. Mas ele participará de outro evento, para prestar contas a Deus de seu trabalho cristão e suas obras. Tal lugar se chama "Tribunal de Cristo", onde comparecerão apenas os salvos. E nesse tribunal não seremos julgados para adquirir ou não a salvação (pois só comparecerá quem é salvo), mas para alcançar ou não galardão.
 
É essencial entendermos a diferença entre Salvação e Galardão.
 
- Salvação: consiste em passar da morte eterna para a vida eterna unicamente pela Fé em Jesus. (João 5:24; Efésios 2:8-9)
 
- Galardão: são prêmios/recompensas pelo trabalho cristão e pelas suas obras. Haverá cristãos que os receberão, outros, porém, não. Na Bíblia os galardões são chamados muitas vezes de "coroa": coroa de glória, coroa de incorrupção, coroa da vida.
 
Eis a passagem que nos fala disso:
 
"A obra de cada um se manifestará; na verdade o dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um. Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão. Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo." (I Coríntios 3:13-15).
 
Ou seja, nossas obras serão provadas no fogo no Tribunal de Cristo. Se elas não se queimarem (forem muito boas), receberemos os prêmios. Se se queimarem (obras ruins), não receberemos os prêmios, mas mesmo assim seremos salvos, pois a Salvação não se alcança pelas obras, visto que é impossível.
 
Não conseguimos agora entender como será um cristão com prêmios (galardões) e outros não. Porém é uma realidade atestada na Bíblia.
 
Portanto, concluímos:
 
- Juízo Final será somente para os perdidos. Ninguém que for se salvará. Serão julgados mediante tudo o que fizeram, pensarem e desejaram.
 
- Tribunal de Cristo será somente para os cristãos, não julgamento para salvação, mas para galardão. O que crê em Cristo já está salvo (João 3:18).
 
Sobre o Autor: Mateus de Souza é cristão bereiano, calvinista por convicção, professor de música, violinista, membro da CCB, aluno do curso superior de Ciências Contábeis, autodidata em teologia e colaborador adjunto do blog Teologando.

7 comentários:

  1. Muito bom, o artigo, como de costume!
    Os meus parabéns ao irmão Mateus!

    Como eu fiquei feliz (e surpreso) ao ver que nosso irmão, autor do artigo, é um jovem, assim como eu! Me encheu de inspiração para procurar e estudar mais a Palavra de Deus!

    Um grande abraço na Paz de Deus!!!

    ResponderExcluir
  2. Grato pela publicação, meu irmão. Que essas verdades da Palavra de Deus sejam espalhadas, e que as pessoas aceitem aquilo que o Soberano disse.
    Irmão Rene, aceitei seu convite no facebook. Felicidade em encontrar jovens no nosso meio que estudam com alegria a Palavra do Senhor.
    Abraço, na paz de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que lhe agradeço pelo excelente artigo Mateus!

      Minha oração é para que Deus continue iluminando a sua mente, e permita que sejamos abençoados com a oportunidade de aprendizado dos teus artigos!

      Muito obrigado pela oportunidade meu querido,

      Um ósculo santo com carinho, com a paz de Deus!

      Excluir
  3. Fico pensando:" como ocorrerá esse Juízo Final?" Será após uma catástrofe global onde toda humanidade será extinta? E então descerá Jesus e fará o julgamento dessas almas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amada irmã Sonia,

      Estou preparando um post sobre os Juízos descritos na Bíblia.

      O assunto é demasiadamente longo, gostoso de estudar e muito interessante!

      Permita-me lhe sugerir uma excelente leitura; trata-se de um livro que é referencia em todo o mundo acadêmico, no campo da Escatologia Bíblica, tem na internet para baixar em PDF.

      Chama-se "Manual de Escatologia" de autoria do Dr. J. Dwight Pentecost da editora Vida.

      Tenho certeza que a irmã - assim como os demais irmãos que acompanham o blog - vai apreciar muitíssimo o livro.

      Vou responder a pergunta da irmã e ser breve na resposta; omitirei as referencias Bíblicas!

      O Juízo Final, também chamado de "O Grande Trono Branco" em Apocalipse 20 (se não me engano [?]), dar-se-á em um determinado dia após o reino milenar de Cristo.

      Participara deste Juízo todos os que não serão Salvos, portanto, não cristãos conforme o Mateus pontuou no artigo!

      Os indivíduos que serão julgados e condenados neste Juízo, ressurgirão na segunda ressurreição que ocorrerá após o milênio de Cristo; eles não participarão do reino milenar.

      A primeira ressurreição é reservada somente para os salvos - de todas as épocas, lugares e gerações - no momento em que Cristo arrebatar a Igreja da face da terra, antes dos catastróficos eventos que culminam na "Grande Tribulação", que será um período terrível o qual nunca houve na face da terra.

      A "Grande Tribulação" ocorrerá durante um período de 7 anos conforme atesta as profecias no livro de Daniel e Apocalipse.

      Neste período a Igreja estará com Cristo no Céu, desfrutando das bodas e na grande ceia; seremos julgado no tribunal de Cristo para termos as nossas obras provada no fogo, para receber ou não os galardões, que são as coroas!

      Após 7 anos, Cristo volta a esta Terra com a Igreja já galardoada, para reinar durante mil anos.

      Será um reino de paz e muita prosperidade; não haverá miséria, fome ou injustiça.
      A sede do reino será na cidade terrestre de Jerusalém, então o Senhor como rei julgara todas as nações, o rei Davi histórico como conhecemos na Bíblia, será um dos príncipes deste reino conforme o profeta Ezequiel falou (não vou lembrar o capitulo agora irmã Sonia, me perdoe).

      Após este reino de paz que durará 1000 anos, todos os ímpios mortos serão ressuscitados (aqui acontece a segunda ressurreição) para serem julgados e condenados eternamente no Juízo Final, ou Juízo do Grande Trono Branco.

      Por isso em Apocalipse diz que "Bem Aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição".

      Após o Juízo Final, entraremos em um período chamado de Estado Eterno.

      Percebe como é complexo e extenso o assunto irmã Sonia?

      É necessário realizar um meticuloso estudo com todas as referencias Bíblicas - que são muitas, mas muitas mesmo - para provar todos estes fatos que estou descrevendo, por isso que indiquei a leitura do Livro!

      Espero de alguma forma tê-la ajudado...

      Um grande abraço querida irmã, com a paz de Deus!

      Excluir
  4. DEUS abençoe pela resposta e vou baixar o Livro o qual o irmão mencionou .Me interessa muito esse assunto sobre Escatologia Bíblica.

    ResponderExcluir
  5. https://www.youtube.com/watch?t=1485&v=xKGnH_9v-hQ

    ResponderExcluir